Palestina: Abbas apela por revisão de acordos entre a OLP e Israel

por Pedro Marin | Revista Opera

0
43
(Foto: Kremlin)

O presidente palestino Mahmud Abbas fez um apelo nesta segunda-feira (15) no Conselho Central da Organização pela Libertação da Palestina (OLP) no sentido de revisar os acordos entre a organização e o estado de Israel.

Durante sua intervenção, Abbas disse que tomou tal decisão porque “Israel levou os acordos [de Oslo] a um beco sem saída.” Os acordos de paz de Oslo foram assinados em 1993, e estabeleciam a retirada das forças armadas israelenses da Faixa de Gaza e Cisjordânia e o estabelecimento de três “áreas especiais” no território palestino; a Área A, sob controle total da Autoridade Palestina, a Área B, com controle civil palestino e controle militar israelense, e a Área C, sob total domínio israelense.

Apesar de suas declarações, o líder palestino declarou também que a OLP tem interesse em tomar parte em qualquer conversação de paz sob a inspeção da ONU para pôr fim à ocupação israelense, mas disse que os palestinos não aceitarão os Estados Unidos como mediador, como nos acordos de 1993.

O presidente também apelou ao Conselho para apoiar a resistência popular pacífica, considerada por ele “a melhor maneira de pôr fim à ocupação israelense.”