Putin e Kerry discutem cooperação militar na Síria

por Pedro Marin | Revista Opera

0
122
(Foto: Sergey Guneev / Sputnik)

O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, se encontrou nesta quinta-feira (14) em Moscou com o Secretário de Estado dos EUA, John Kerry, para discutir propostas de cooperação no combate ao Estado Islâmico e Frente Al-Nusra na Síria.

“Nossa última conversa com o Presidente Obama me convence que nós não estamos somente desenvolvendo cooperação, mas o fazendo com o objetivo de alcançar resultados tangíveis”, disse na ocasião o Presidente russo, referindo-se à conversa que teve com Obama na semana passada.

“Com sorte nós conseguiremos algum progresso genuíno que seja mensurável e implementável e que possa fazer diferença nos eventos na Síria”, respondeu Kerry, dizendo que estava ansioso para uma “conversa séria.”

O encontro ocorre após o jornal Washington Post ter publicado um suposto rascunho de um projeto de cooperação preparado por Kerry, que inclui “operações integradas” com a Rússia e um centro de comando na Jordânia.

Desconfiança

Na última quarta-feira a rede de televisão norte-americana NBC transmitiu uma entrevista com o Presidente da Síria, Bashar al-Assad. Na entrevista, Assad disse que os EUA não estão interessado em combater os terroristas na Síria, mas “controlá-los e usá-los.”

“Trata-se de ser sério, ter a intenção. Os EUA não têm a intenção de derrotar os terroristas. Eles tinham a intenção de controlar eles e usá-los como uma carta, como fizeram no Afeganistão”, disse o Presidente, declarando ainda que as ações da coalizão liderada pelos EUA na Síria são ilegais, diferentemente dos bombardeios russos, “que [foram] convidados legalmente e formalmente pelo governo Sírio.”