EUA declara apoio ao Presidente da Turquia e pede calma

por Pedro Marin | Revista Opera

0
470

ACasa Branca divulgou na noite desta sexta-feira (15) uma declaração de apoio ao Presidente da Turquia, Recep Erdogan.

“O Presidente e o Secretário [de Estado] concordaram que todos os partidos da Turquia devem apoiar o governo democraticamente eleito da Turquia, serem moderados e evitar qualquer violência ou derramamento de sangue”, diz o document, divulgado após uma conversa telefônica entre o Secretário de Estado John Kerry e o Presidente Obama.

A declaração foi feita após um grupo de militares turcos anunciarem que tomaram o poder no país. Os militares disseram que tinham o objetivo de “reinstalar a ordem constitucional, os direitos humanos e liberdades”, e disseram que uma nova constituição seria adotada e que um Conselho de Paz governaria o país.

Milhares se reuniram na Praça Taksim, em Istambul, depois do Presidente turco Recep Erdogan solicitar que seus apoiadores se manifestassem nas ruas, o que viola o toque de recolher imposto pelos militares.

Leia mais: Militares turcos declaram tomada do poder e controlam pontos estratégicos