Rússia e Síria abrem corredores de fuga em Alepo

por Pedro Marin | Revista Opera

0
192

A Rússia e a Síria lançam hoje o que chamam de “operação humanitária de larga-escala” para os residentes da cidade de Alepo, anunciou nesta quinta-feira (28) o Ministro da Defesa da Rússia, Sergey Shoigu.

Entre as medidas está o estabelecimento de três corredores de fuga da cidade, disponíveis para civis, e mais um para militantes dispostos a largar as armas.

“Eu quero enfatizar que nós estamos tomando esse passo, primeiramente e especialmente, para garantir a segurança dos residentes de Alepo”, disse Shoigu, que pediu também que organizações internacionais façam parte da operação: “Se não quisermos repetir o cenário do iraquiano, líbio ou afegão – cujas consequências estiveram desembaraçadas pelo mundo por um bom tempo – nós oferecemos aos nossos parceiros que se unam, ao invés de recorrer à retórica acusatória, para que foquem na implementação dos acordos feitos em Moscou e Genebra na última semana.”

A operação é lançada após o Presidente da Síria, Bashar al-Assad, anunciar a disposição de seu governo em conceder anistia a rebeldes que se rendam. “Nosso exército conseguiu avanços nessa cidade e nos arredores, buscando cercar os terroristas para negociar com eles, para que retornem sua vida normal ou abandonem a zona, ou de outro modo seriam derrotados, porque não há outra opção”, disse o Presidente em uma entrevista recente à Prensa Latina.

A cidade de Alepo atualmente encontra-se dividida entre zonas de controle do governo e dos rebeldes.